HISTÓRIA

selfie-criadouro

Meu nome é Luiz Américo, sou brasileiro, advogado e criador de Periquito Australiano (Padrão Inglês). Nasci em 1977, e desde os 07 anos de idade crio periquito australiano, e hoje possuo em meu criatório mais de 200 periquitos australianos padrão inglês.

Em 1984 comecei a criar periquitos australianos comuns que durou até meados de 1995. Em 1996 comecei a criar periquitos padrão inglês. As primeiras aves foram adquiridas de criadores de Araguari (MG) e Uberlândia (MG), mas todos os criadores não sabiam informar a origem das aves, a única informação que tinha sobre a origem, era que todas elas vinham de São Paulo. Como eu ainda não conhecia as siglas e números dos criadores, não sei dizer a origem das primeiras aves.

Passaram-se alguns anos e resolvi eliminar o plantel antigo e iniciar um novo plantel em 2008. Foi assim que resolvi comprar as primeiras aves que deram início ao plantel que tenho hoje.
Meus pássaros foram adquiridos em Goiânia/GO e São Paulo/SP, e hoje tenho em meu plantel sangues de Flávio Rabelo (GO), Renato Uchoa (SP), Jorge de Pina (RJ), Manoel Luiz (SP), Norberto Garcia (SP), Fúlvio Lucietto (SP), João Paulo Bueno (SP), Osny (SP), Marcos Elizeu (MG), Ciro Franco (SP), Giudici (SP), Sarmento (BA), Reynaldo Garcia (SE) e linhagens oriundas de criadores estrangeiros como Jo Mannes (Alemanha), Daniel Lütolf (Suíça), Heinz Küppers (Alemanha) e Siegfried Langer (Alemanha).
dsc06609
Minha criação é feita em viveiros e gaiolas.
Nos viveiros ficam os filhotes e os periquitos adultos, nas gaiolas são separados os casais para procriação.
O criador deverá tomar muito cuidado com a higiene dos viveiros e gaiolas, pois a profilaxia é o melhor remédio no combate às doenças. Deverá o criador dar preferência à água filtrada. Não basta só inserir a ave em uma gaiola e esperar que ela lhe dê frutos, é necessário dedicação, trabalho, estudo e muita paciência.
Os pássaros presentes neste Blog visam apenas ilustrar alguns exemplares que compõem o plantel.
13603231_1132718716788082_7622944656529697602_o
Em Goiânia/GO, foram adquiridos vários periquitos provenientes do Criadouro Undulatia de Flávio Rabelo. Na ocasião das compras, foram adquiridos periquitos com patrimônio genético de grandes criadores brasileiros, como também, internacionais.
Do estado de São Paulo foram adquiridos alguns periquitos provenientes da criação do Sr. Norberto Garcia. Os periquitos foram enviados pelo grande criador, juiz em torneios e conhecedor do hobby Fúlvio Lucietto. Foram adquiridos também, periquitos do Criatório de Fúlvio Lucietto e João Paulo Bueno.

Algumas das aves adquiridas pelo Criadouro LAS são irmãos diretos de periquitos eleitos Best in Show e melhor da série em alguns campeonatos brasileiros. Outras possuem ascendência ou parentesco com aves já consagradas em vários torneios.

A maioria das aves que compõem a base do plantel em sua maioria, são provenientes do Criatório de Renato Uchoa (CRUPA).

Para o criador que queira concorrer e participar de torneios, deverá visitar os criatórios de criadores mais antigos, buscando informações sobre as técnicas na criação dos periquitos e voltando todo o trabalho para a evolução do padrão.
Após a visita, o iniciante poderá avaliar o custo do hobby, o que precisa adquirir para iniciar nesta bela criação, como funcionam os torneios, quais as exigências sobre as aves, no que tange ao padrão moderno (porte, cabeça, direcionamento de penas, textura das penas, máscaras, etc).
Avaliará ainda, como deve ser construído o quarto de criação e como deverá ser feita a criação.
Após a aquisição dos pássaros e início da criação, o criador iniciante deverá se aprofundar nos estudos de genética, para aos poucos entender como funcionam os acasalamentos, e como é possível chegar à cor desejada.
Outro ponto que merece destaque, é que, apesar das cores chamarem bastante atenção da maioria dos criadores iniciantes, não adianta ter um belo pássaro colorido e com qualidades medianas no que diz respeito ao padrão moderno ou pedigree, como também, não adianta nada ter um pássaro gigantesco e com uma bela cor e ter a cabeça pequena e fraco direcionamento de penas. O periquito tem que englobar um conjunto de fatores necessários para a qualidade do pássaro.
Aos poucos e com bastante estudo e experiências adquiridas a cada dia, o criador iniciante entenderá como funciona a criação do padrão inglês, os torneios, genética, acasalamentos, dentre vários outros pontos importantes na criação deste pássaro.
Por fim, este Blog visa mostrar algumas aves que possuo em meu criatório (CRADOURO LAS) de periquitos ingleses, localizado na cidade de Araguari/MG.
Espero que você visitante deste Blog goste dos pássaros apresentados e caso queira deixe seu recado.